Pesquisar este blog

quinta-feira, 12 de maio de 2011

Trabalho Escravo na China: tentativas de suicídio todos os dias

É assim que funciona a economia... O custo pra gente pagar barato num produto de última geração é pago por esses trabalhadores.

Luiz.


Fábrica de Ipad, Ipod e Iphone na China incluiria cláusula antissuicídio no contrato de trabalho


A Foxconn é uma das maiores empresas da China. Emprega mais de um milhão de trabalhadores. Só para a Apple são 25 mil fabricando 24 horas por dia, os sete dias da semana, iPod, iPhone e iPad. Nos últimos anos, houve 17 casos de suicídio e inúmeras tentativas.

Por esse motivo, a Foxconn estaria obrigando os trabalhadores a assinar um contrato com cláusulas que, entre outras coisas, incluíam uma específica que eximiria a companhia de qualquer responsabilidade no caso de suicídio do trabalhador. A informação foi passada por trabalhadores à imprensa.

A Foxconn nega a informação. Diz que aumentou recentemente os salários de todos os trabalhadores e que oferece um “ambiente seguro de trabalho onde as compensações e os benefícios são tão competitivos como em outras indústrias do setor”.

Abaixo, podemos perceber como são essas condições:

O jornal chinês Southern Weekly infiltrou um de seus jornalistas na Foxconn. Ele se fez passar por um trabalhador durante 28 dias com o objetivo de pesquisar as razões dos últimos suicídios. As respostas não demoraram a chegar ao ver as condições nas que trabalhavam os empregados. O jornalista, de 23 anos, expôs que a maior causa dos suicídios se devia ao estresse e desordens mentais gerados pela rotina da corrente de montagem e os tempos expostos ao trabalho. Assim, relata que ao entrar na empresa trabalhadores são obrigados a assinar um contrato onde renunciam a seu direito de não ultrapassar as 36 horas mensais de trabalho extra. Todo este esforço por 900 yuan, o salário mínimo da região, que equivale a uns 130 dólares (106 euros). Durante o tempo em que permaneceu na fábrica, o jornalista comprovou que houve um total de 30 tentativas de suicídio. A linha de produção não se detém nunca, funciona as 24 horas do dia, inclusive aos domingos. São tais as condições nas quais trabalham que muitos deles preferem adoecer para não ter que ir ao trabalho e assim poder descansar. Outro comentário que chamou a atenção foi o que fazia menção à popularizada ação de deixar cair objetos ao solo para agachar-se e assim dar um pequeno descanso às pernas, dormentes depois de horas e horas permanecendo de pé. A relação entre os trabalhadores é nula, já que não há tempo para falar entre eles. [Fonte]
http://blogdomello.blogspot.com/2011/05/fabrica-de-ipad-ipod-e-iphone-na-china.html?utm_source=BP_recent

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Follow by Email