Pesquisar este blog

domingo, 4 de março de 2012

Serra e os Estados Unidos

 

Candidato a prefeito de São Paulo, o tucano José Serra pode enfrentar a polêmica sobre um telegrama, revelado pelo site Wikileaks, que relata conversa dele com Patrícia Pradal, diretora da petroleira americana Chevron, aquela do vazamento de óleo na Bacia de Campos, no Rio de Janeiro. O deputado Protógenes Queiroz (PCdoB) vai convocá-la à Comissão de Segurança Pública.

Em telegrama do consulado dos EUA no Rio, Patrícia Pradal relata a promessa de Serra de mudar o marco de exploração do pré-sal.

As petroleiras americanas temem que a Petrobras se torne operadora exclusiva dos campos gigantes na camada do pré-sal.

Para Protógenes, a relação entre Patrícia e Serra “causa estranheza”. “Mesmo fora da estrutura, Serra mantém muitos poderes políticos”.

A Chevron foi multada pela Agência Nacional do Petróleo e virou alvo de ação civil pública e inquérito da Polícia Federal pelo acidente no Rio.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Follow by Email